Por uma consciência Pastoral e Evangélica

Em uma região formada por tantos negros, como esta em que está a Diocese de Guanhães, talvez seja a hora de refletirmos sobre a importância de uma pastoral afro-brasileira que pense a cultura, os desafios, os problemas, do povo negro.

01dompel

Dom José Maria Pires atuou em defesa dos direitos humanos, contra a discriminação e o racismo.

Na última sexta-feira, 20 de novembro, o país comemorou o Dia da Consciência Negra. Uma data merecidamente lembrada por alguns brasileiros. O negro contribuiu/ contribui para a formação da identidade cultural brasileira. Esse reconhecimento precisa ser despertado em todas as consciências, mandando para bem longe a discriminação, o preconceito, o racismo.

Mas a realidade não parece oportunizar muitas comemorações. Os números ainda mostram o abismo social cavado para os negros deste país. Em vídeo divulgado pelas redes sociais, o geógrafo Milton Santos (1926-2001), um dos maiores intelectuais deste país, alerta para o fato de ser necessário criar uma consciência nacional, muito mais do que negra, branca ou de outra cor.

Os dados do IBGE (2010) apontam os problemas e as perspectivas: Mulheres negras são as que se sentem mais inseguras. Em todos os ambientes ronda a sensação de insegurança, de violência, de morte; 1909 a 1910 foram os anos em que o país conheceu o primeiro e único presidente negro, Nilo Procópio Peçanha (1867-1924). No cenário político nacional o negro não tem ocupado cargos de governo; Negros são maioria no Bolsa Família. Em 10 casas beneficiadas com o programa de transferência de renda do governo federal, 7 são formadas por negros; Taxa de analfabetismo é duas vezes maior entre os negros. As chances de escolaridade entre os negros é bem menor, se comparadas às dos brancos; E o abismo não para por aqui. Na corte máxima do poder judiciário, apenas dois negros ocuparam cargos. Em 1931, o jurista Hermenegildo de Barros e, 72 anos depois, o jurista Joaquim Barbosa, tornando-se, inclusive, presidente do Supremo Tribunal Federal, em 2012; Mulheres negras são as mais atingidas pelo desemprego. O número mostra como são excluídas do mundo do trabalho; A renda dos negros é 40% menor que a dos brancos. A diferença ainda atinge níveis absurdos; Por último, em 2014, dos 1627 políticos-partidários eleitos, só 3% se declararam negros.

O extenso parágrafo mostra o tamanho do problema. Claro que poderíamos ampliar o abismo. Mas como o dia serviu às comemorações, fica a exposição mínima da situação. Em uma região formada por tantos negros, como esta em que está a Diocese de Guanhães, talvez seja a hora de refletirmos sobre a importância de uma pastoral afro-brasileira que pense a cultura, os desafios, os problemas, do povo negro. E, retomando a explicação do professor Milton Santos, mais do que uma consciência negra, devemos nos preocupar com uma consciência nacional e, no âmbito ético-religioso, evangélica e pastoral.

Luís Carlos Pinto
Professor da educação básica

 

 

Foto: reprodução/ internet

A Palavra do Pastor
Sejamos instrumentos nas mãos de Deus (Homilia do 3º Domingo do Ano A)

Sejamos instrumentos nas mãos de Deus (Homilia do 3º Domingo do Ano A)

No 3º Domingo do Tempo Comum (Ano A), refletimos sobre o Projeto de Salvação e de Vida plena que Deus...
Read More
FORTALEÇAMOS O PILAR DA PALAVRA DE DEUS

FORTALEÇAMOS O PILAR DA PALAVRA DE DEUS

As novas Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora no Brasil (2019-2023), Documento nº. 107 da Conferência Nacional do Brasil  (CNBB), nos apresentam...
Read More
Apresentar e testemunhar Jesus, a luz das Nações ( Homilia para o 2º Domingo do Tempo Comum-ano A)

Apresentar e testemunhar Jesus, a luz das Nações ( Homilia para o 2º Domingo do Tempo Comum-ano A)

Apresentar e testemunhar Jesus, a Luz das Nações “Melhor é calar-se e ser do que falar e não ser. Coisa...
Read More
Ser batizado é ouvir a voz do Filho Amado

Ser batizado é ouvir a voz do Filho Amado

  O Batismo do Senhor é apresentado de diferentes modos: os Evangelhos de São Marcos e São Lucas apenas fazem...
Read More
A Evangelização nos desafia: É tempo de sermos epifânicos!

A Evangelização nos desafia: É tempo de sermos epifânicos!

  A Evangelização nos desafia: É tempo de sermos epifânicos! Há de brilhar e brilhou… Uma estrela há dois milênios,...
Read More
Epifania: Jesus é o Salvador de todos os povos ( Homilia da Epifania do Senhor)

Epifania: Jesus é o Salvador de todos os povos ( Homilia da Epifania do Senhor)

Epifania: Jesus é o Salvador de todos os povos Celebraremos com toda a Igreja, a Solenidade da Epifania do Senhor,...
Read More

Deus seja louvado! Olhando para o ano que está terminando, faltando apenas dois dias, vi que: Amo o que faço! Creio...
Read More
Sagrada Família, modelo de fidelidade e coragem

Sagrada Família, modelo de fidelidade e coragem

Sagrada Família, modelo de fidelidade e coragem Celebrar a Festa da Sagrada Família (ano A), é para todos nós, uma...
Read More
Ah, se nossas famílias escutassem o Anjo do Senhor…

Ah, se nossas famílias escutassem o Anjo do Senhor…

Ah, se nossas famílias escutassem o Anjo do Senhor... Na Liturgia da Palavra na Festa da Sagrada Família (ano A),...
Read More
O silêncio dos inocentes

O silêncio dos inocentes

O silêncio dos inocentes... “Levante-se, pegue a Criança e a Sua mãe e fuja para o Egito. Fiquem lá até...
Read More

Empresas que possibilitam este projeto: