Circular nº 11 – Ano Santo da Misericórdia

Atendendo ao pedido do Santo Padre, e sempre atentos a sua agenda, a fim de estarmos em comunhão com ele e com toda a Igreja, convocamos a todos os diocesanos, para que no dia 13 de dezembro celebremos a abertura da porta santa na nossa igreja catedral, em Guanhães.

brasao-diocese

PALAVRAS DO PAPA FRANCISCO NA CONVOCAÇÃO DO ANO SANTO:

Um Ano Santo para sentirmos intensamente em nós a alegria de ter sido reencontrado por Jesus, que veio, como Bom Pastor, à nossa procura, porque nos tínhamos extraviados. Um Jubileu para nos darmos conta do calor do seu amor, quando nos carrega aos seus ombros e nos traz de volta à casa do Pai”.

“Neste Jubileu, deixemo-nos surpreender por Deus. Ele nunca Se cansa de escancarar a porta do seu coração para repetir que nos ama e deseja partilhar conosco sua vida. A Igreja sente, fortemente, a urgência de anunciar a misericórdia de Deus. A Igreja é chamada, em primeiro lugar, a ser verdadeira testemunha da misericórdia, professando-a e vivendo-a como o centro da Revelação de Jesus Cristo. Do coração da Trindade, do íntimo mais profundo do mistério de Deus, brota e flui incessantemente a grande torrente da misericórdia. Esta fonte nunca poderá esgotar-se, por maior que seja o número daqueles que dela se abeirem. Sempre que alguém tiver necessidade poderá aceder a ela, porque a misericórdia de Deus não tem fim. Quanto insondável é a profundidade do mistério que encerra, tanto é inesgotável a riqueza que dela provém.

 MV. 25

            Caros irmãos Presbíteros, Religiosas, Consagradas, Seminaristas, Animadores de Comunidades, Agentes de Pastoral, Grupos e todo o Povo de Deus presente na Diocese de Guanhães!

Saudações Fraternas!

Como é do conhecimento de todos, o Santo Padre o Papa Francisco, na Bula Misericordiae Vultus, proclamou o Jubileu Extraordinário da Misericórdia. Somos todos, portanto, como Igreja, em comunhão com o sucessor de Pedro, convocados a viver, experimentar, contemplar e  celebrar o Mistério da Misericórdia. “Jesus Cristo é o rosto da misericórdia do Pai. Com a sua palavra, os seus gestos e toda a sua pessoa, Jesus de Nazaré revela a misericórdia de Deus.”MV.01

Atendendo ao pedido do Santo Padre, e sempre atentos a sua agenda, a fim de estarmos em comunhão com ele e com toda a Igreja, convocamos a todos os diocesanos, para que no dia 13 de dezembro celebremos a abertura da porta santa na nossa igreja catedral, em Guanhães. Às nove horas (09h) vamos nos encontrar na igreja matriz de São Miguel, onde terá início a celebração. Na seqüência viremos em procissão até a Catedral. Lembro aos padres que no dia 13 de dezembro, terceiro domingo do tempo do Advento, vamos usar o róseo como cor litúrgica.

 

Peço aos padres que no dia 08 de dezembro, solenidade da Imaculada Conceição da Bem Aventurada Virgem Maria, lembrem-se de falar ao povo que o Ano Santo estará se iniciando em Roma, com a abertura da Porta Santa na Basílica de São Pedro, no Vaticano, e dia 13 de dezembro será aberta a Porta Santa na Catedral de Roma, na Basílica de São João de Latrão e nas Igrejas Particulares em todo o mundo.

Devido à dimensão territorial da nossa Diocese e seguindo as orientações da Bula Papal, estabelecemos que seja aberta a porta santa da misericórdia nos seguintes lugares, onde também poderão ser alcançadas indulgências:

  1. Santuário Bom Jesus de Matosinhos, em Conceição do Mato Dentro;
  2. Santuário São Miguel, em Santa Maria do Suaçuí;
  3. Igreja São João Evangelista, em São João Evangelista;
  4. Igreja Sant’Ana, em Ferros;
  5. Igreja Nossa Senhora do Amparo, em Braúnas

O Santo Padre Francisco pede que se redescubra o sentido da indulgência na espiritualidade cristã. MV.22

No espírito do Ano Santo, estabelecemos ainda alguns eventos no decorrer do ano de 2.016, que nos ajudarão a vivenciar o mistério da Misericórdia:

  1. Seminário sobre a Carta Encíclica Laudato Si’, do Santo Padre Francisco. Data a ser definida.
  2. “24 Horas para o Senhor” – Dias 04 e 05 de Março (Antes do 4º Domingo da Quaresma). Por questão de segurança, sugiro que se faça durante o dia. À noite poderá ser feito nas casas, seguindo esquema de vigília, com horário determinado para quem quiser participar.
  3. Encontro de Formação para os Ministros Extraordinários da Palavra – Dia 12 de Março.
  4. Retiro para Comunicadores – Dia 13 de Março.
  5. Celebração da Misericórdia com o Clero – Dia 03 de Junho – Solenidade do Sagrado Coração de Jesus.
  6. Jubileu dos Catequistas – Dia 30 de julho.
  7. Retiro do Clero – Dias 22 a 25 de Agosto.
  8. Celebração do Encerramento da Porta Santa da Misericórdia e conclusão do Jubileu na Festa de Cristo, Rei do Universo e dia do Leigo. Dia 20 de Novembro.

No decorrer do ano iremos propor, ainda, outras oportunidades para celebrarmos o Ano Santo. Evidentemente, mais que celebrarmos na liturgia o mistério da Misericórdia, somos todos chamados a realizar as obras de misericórdia corporais e espirituais. Corporais: dar de comer aos famintos, dar de beber aos sedentos, vestir os nus, acolher os peregrinos, dar assistência aos enfermos, visitar os presos, enterrar os mortos. Espirituais: aconselhar os indecisos, ensinar os ignorantes, admoestar os pecadores, consolar os aflitos, perdoar as ofensas, suportar com paciência as pessoas molestas, rezar a Deus pelos vivos e falecidos. MV. 15

            Peço que a Quaresma do ano jubilar seja vivida intensamente como tempo forte para celebrar e experimentar a misericórdia de Deus. Que os irmãos presbíteros promovam celebrações penitenciais com a Confissão individual para que os fiéis tenham a oportunidade de reconciliarem-se com Deus e com o próximo.

Peço que leiam o Subsídio Litúrgico. Certamente irá ajudá-los na reflexão e na celebração do Ano Jubilar. Lá também está a Oração para o Ano Santo da Misericórdia.

Desejo que a Misericórdia do Pai seja fortemente vivida por todos! Que a Luz do Espírito nos oriente e nos conduza!

Maria, Mãe de Misericórdia, rogai por nós!

Em Cristo Jesus, o rosto da Misericórdia do Pai,

 

brasaoepiscopal

Dom Jeremias Antonio de Jesus

Bispo Diocesano

“Fiat Voluntas Tua”

A Palavra do Pastor
“Vós sois meus amigos” Homilia do VI Domingo da Páscoa – dom Otacilio F. de Lacerda

“Vós sois meus amigos” Homilia do VI Domingo da Páscoa – dom Otacilio F. de Lacerda

Reflexão à luz da passagem do Evangelho de João (Jo 15,12-17), em que Jesus nos dá o Mandamento do amor: “Este...
Read More
Precisamos da Seiva do Amor do Senhor! Homilia – 5º Domingo do Tempo Pascal

Precisamos da Seiva do Amor do Senhor! Homilia – 5º Domingo do Tempo Pascal

“Eu sou a Videira e vós sois os ramos” A Liturgia do 5º Domingo da Páscoa (Ano B) é um...
Read More

A voz do Bom Pastor – Homilia – 4º Domingo da Páscoa

“Eu sou o Bom Pastor. Conheço as minhas ovelhas, e elas me conhecem,  assim como o Pai me conhece e Eu...
Read More
A comunidade do Ressuscitado – Homilia – 2º Domingo da Páscoa Ano B

A comunidade do Ressuscitado – Homilia – 2º Domingo da Páscoa Ano B

Com a Liturgia do 2º Domingo da Páscoa (ano B), também chamado de “Domingo da Misericórdia”, à luz da Palavra...
Read More
O Cristo Ressuscitado caminha conosco! Aleluia!

O Cristo Ressuscitado caminha conosco! Aleluia!

O Ano Litúrgico (ano B), começa com a quarta-feira de cinzas, e com ela o início do itinerário quaresmal, e...
Read More
Domingo de Ramos:  Jesus elevado na Cruz para nos elevar – Homilia – Dom Otacilio F. de Lacerda

Domingo de Ramos: Jesus elevado na Cruz para nos elevar – Homilia – Dom Otacilio F. de Lacerda

"Meu  Deus, meu Deus, por que me abandonaste?"  (Mc 15,34) No Domingo de Ramos (ano B), refletimos sobre o Amor de...
Read More
“Deus merece que sejamos melhores” – Homilia – Quarto Domingo do Tempo Quaresmal – Dom Otacilio – Ferreira de Lacerda

“Deus merece que sejamos melhores” – Homilia – Quarto Domingo do Tempo Quaresmal – Dom Otacilio – Ferreira de Lacerda

A Liturgia do 4º Domingo da Quaresma (Ano B) é conhecida como Domingo “Laetare”, ou seja, Domingo da alegria, devido...
Read More
A cidade, seus clamores e a missão Presbiteral – Dom Otacilio F. de Lacerda

A cidade, seus clamores e a missão Presbiteral – Dom Otacilio F. de Lacerda

As grandes cidades enfrentam os inúmeros problemas de nosso tempo, principalmente porque vivemos em mudança de época, muito mais do...
Read More
Uma religião agradável ao Senhor – Homilia – Terceiro Domingo do Tempo Comum – Ano B

Uma religião agradável ao Senhor – Homilia – Terceiro Domingo do Tempo Comum – Ano B

Com o 3º Domingo da Quaresma (ano B), damos mais um passo no Itinerário rumo à Páscoa do Senhor. Podemos...
Read More
A Glória é precedida pela Cruz – Homilia – Segundo Domingo do Tempo Quaresmal – Ano B

A Glória é precedida pela Cruz – Homilia – Segundo Domingo do Tempo Quaresmal – Ano B

O segundo Domingo da Quaresma (ano B), identificado como “O Domingo da Transfiguração do Senhor”, é um convite a escutarmos...
Read More

Empresas que possibilitam este projeto: