Viva a Diocese de Guanhães pelos 32 anos de caminhada

A Diocese de Guanhães, tem como superfície, uma área de 15.047 km², e está situada na região Leste de Minas Gerais e faz parte da Província Eclesiástica de Diamantina, no Regional Leste II da CNBB, tendo sua Sé Catedral dedicada a São Miguel e situada na cidade de Guanhães. Atualmente tem como Pastor, o bispo Dom Jeremias Antônio de Jesus.

Foi criada em 18 de dezembro de 1985, pelo papa João Paulo II, através da bula Recte Quidem (Muito Bem), sendo instalada solenemente em 1º de maio de 1986 pelo Senhor Núncio Apostólico, Dom Carlo Furno, mais tarde Cardeal da Santa Igreja Romana, que deu posse ao primeiro bispo: Dom Antônio Felippe da Cunha, SDN.(Sacramentino de Nossa Senhora), o qual teve grande zelo pastoral e estruturou a diocese em seu início de caminhada eclesial. Governou a diocese até 05 de março 1995, quando veio a falecer. Padre Saint-Clair Ferreira Filho, vigário geral foi eleito administrador e a partir daí, assumiu a Diocese, a fim de que a caminhada pastoral continuasse. Passados uns meses, julho de 1995, o Papa João Paulo II nomeou dom José Gonçalves Heleno bispo de Valadares, para Administrador Apostólico da Diocese, assim o mesmo fez o possível para que sentíssemos a paternidade de um pastor e a ausência da orfandade. Só abrindo um parênteses; em 1991, quando nossa Diocese completou cinco anos de caminhada pastoral, dom Felippe promulgou um “Ano Jubilar”, que foi um tempo de intensas atividades missionárias em todas as paróquias da Diocese. Iniciou-se em 1992 a primeira Novena de Natal em Família, na própria Diocese, contando com uma equipe de pessoas animadas com a caminhada pastoral. Em 1993, foi realizada a Primeira Assembleia Diocesana de Pastoral, em Guanhães. Essa Assembleia teve como fase preparatória a realização de Assembleias nas Comunidades rurais e urbanas de todas as paróquias da Diocese.
Após  um tempo de vacância, nossa igreja ganhou um novo pastor, Dom Emanuel Messias de Oliveira, que permaneceu conosco durante 13 anos, promoveu vários trabalhos pastorais, assistiu as comunidades, realizou assembleias e celebrou o Jubileu de prata da diocese. Dom Emanuel governou a diocese de 1998 a 2011. No dia 16 de fevereiro de 2011, o Papa Bento XVI o nomeou bispo da diocese de Caratinga. Foi eleito e assumiu como administrador diocesano, o Pe. Marcello Romano, que mais tarde veio a ser nomeado bispo da diocese de Araçuaí. Em maio de 2012 tivemos a alegria por receber a notícia da nomeação do nosso terceiro bispo diocesano dom Jeremias Antônio de Jesus, o qual foi ordenado em São Paulo e assumiu nossa diocese em agosto de 2012. Desde então é o nosso terceiro e atual pastor.
A diocese ao mesmo tempo que é jovem tem uma caminhada pastoral vasta de muitas alegrias e vitórias e tudo isso é motivo pra nos alegramos e rendermos graças ao Pai por tanta coisa bonita que vem acontecendo em nossa Igreja Particular. Desse chão santo já nasceram inúmeras vocações sacerdotais e religiosas. Já oferecemos à igreja dois bispos filhos, várias comunidades caminhando com suas pastorais, inúmeros projetos sendo executados e só nos resta dizer, e sempre é preciso dizer: obrigado, Senhor!
Viva a Diocese de Guanhães pelos 32 anos de caminhada!   Michel Araújo

 

 

A Palavra do Pastor
A vigilância e a espera ativa

A vigilância e a espera ativa

Com a Liturgia do 19º Domingo do Tempo Comum (Ano C), refletimos sobre a vigilância, a pobreza e a busca...
Read More
“Buscai as coisas do alto” – XVIII Domingo do Tempo Comum- Ano C

“Buscai as coisas do alto” – XVIII Domingo do Tempo Comum- Ano C

“Buscai as coisas do alto” A Liturgia do 18º Domingo do Tempo Comum (Ano C) nos convida a refletir sobre...
Read More
“Mestre, ensina-nos a rezar” _ Homilia

“Mestre, ensina-nos a rezar” _ Homilia

“ “Mestre, ensina-nos a rezar” A Liturgia da Palavra do 17º Domingo do Tempo Comum (Ano C) nos convida à...
Read More
A Igreja do Bom Samaritano – Homilia XV do Tempo Comum -Ano C

A Igreja do Bom Samaritano – Homilia XV do Tempo Comum -Ano C

“Mestre, que devo fazer para receber em herança a vida eterna?” Com a Liturgia do 15º Domingo do Tempo Comum...
Read More
Pedro e Paulo, o Amor de Cristo os seduziu – Homilia

Pedro e Paulo, o Amor de Cristo os seduziu – Homilia

Pedro e Paulo, o Amor de Cristo os seduziu Celebramos a Solenidade dos Apóstolos Pedro e Paulo, que viveram total...
Read More
Livres para seguir o Senhor – XIII Domingo do Tempo Comum Ano C

Livres para seguir o Senhor – XIII Domingo do Tempo Comum Ano C

A Liturgia do 13º Domingo do Tempo Comum (Ano C) nos convida a refletir sobre o discipulado na fidelidade ao...
Read More
Assumir a Cruz quotidiana com a força da Oração – 12º Domingo do Tempo Comum

Assumir a Cruz quotidiana com a força da Oração – 12º Domingo do Tempo Comum

A Liturgia do 12º Domingo do Tempo Comum (Ano C) nos interroga a respeito de Jesus: Quem é Ele para...
Read More
Pentecostes: O Espírito Santo de Deus nos foi enviado 

Pentecostes: O Espírito Santo de Deus nos foi enviado 

“Assim como o Pai Me enviou, também Eu vos envio a vós. Recebei o Espírito Santo” Com a Solenidade de...
Read More
Ascensão: irradiar amor, vida e alegria – Homilia – Solenidade da Ascensão do Senhor

Ascensão: irradiar amor, vida e alegria – Homilia – Solenidade da Ascensão do Senhor

“Ali ergueu as mãos e abençoou-os” (Lc 24,50) A Solenidade da Ascensão aponta para o fim último de todos nós,...
Read More
A promessa do Paráclito- Homilia VI Domingo da Páscoa – Ano C

A promessa do Paráclito- Homilia VI Domingo da Páscoa – Ano C

A promessa do Paráclito A Liturgia do 6º Domingo da Páscoa (Ano C) tem como mensagem a promessa de Deus...
Read More

Empresas que possibilitam este projeto: