“Escutando o silêncio interior”- Manhã de espiritualidade com catequistas e Ministros Extraordinários da Comunhão de Carmésia

A convite da coordenadora Eni,  foi realizado uma momento de espiritualidade com os agentes de pastoral, sobretudo os catequistas da Paróquia de Dores de Guanhães da Comunidade Nossa Senhora do Carmo de Carmésia, contando com a presença da coordenação diocesana através de Eliana e Vera.

O tema trabalhado foi “Maria, mulher de testemunho e missão” valorizando o tempo litúrgico que estamos vivenciando: o advento. Enquanto Jesus não nasce, o nosso olhar se volta para Maria, à espera do Ungido, do Salvador: mulher do sim, do silêncio, da entrega.  Refletimos a importância do silêncio, da contemplação diante da correria do dia a dia. Sob à luz da Palavra de Deus meditamos o silêncio, contemplando na observância, no acolhimento, na confiança, na iniciação, no respeito, na dor e esperança, na alegria e na compaixão.

É preciso enquanto catequistas, leigos e leigas, discípulos missionários seguir o testemunho de Maria acreditando que o sonho de Deus por nós é maior do que possamos imaginar.

A nossa manhã foi marcada com lazer, deserto no sentido de recolhimento e contemplação para dentro de si. A espiritualidade foi assessorada pelo seminarista Guilherme e contou com a participação do Pe Mário Gomes, encerrado com uma dinâmica e um delicioso almoço.

Seminarista Guilherme e Vera Pimenta

   Nós, participantes, tivemos a oportunidade de refletirmos sobre Maria nossa Mãe Santíssima que nos deu exemplo de silêncio, perseverança, fé obediência e sobretudo amor incondicional, aceitação aos desígnios de Deus. Também pudemos partilhar experiências e vivências, momentos de interiorização , sentir em nós a presença do Espírito Santo de Deus e refletirmos sobre  o quanto somos importantes na missão de discípulos evangelizadores na construção  do Reino. Pudemos fortalecer a nossa fé em  Deus que nos ama muito mais do que pensamos. Foi realmente um retiro espiritual de bençãos e graças. Momentos agradáveis e de grande espiritualidade.

Catequista Silvânia.

Maria mulher de testemunho e missão – tema para uma reflexão maravilhosa e profunda para nós, pequenos servos missionários do Senhor : catequistas MESCEs, Liturgia da comunidade de Carmésia.

Há tempo para tudo!  Hora de parar, ouvir e silenciar para construir a nossa manjedoura, renovando o nosso “sim” a cada momento, oferecendo ao Senhor os frutos que Ele espera de nós.

Eni Menezes

 

A Palavra do Pastor
O chamado divino e a nossa resposta – Homilia – Segundo Momingo do Tempo Comum ( Ano B)

O chamado divino e a nossa resposta – Homilia – Segundo Momingo do Tempo Comum ( Ano B)

Deus nos chama para que anunciemos a Sua Palavra e não a nós mesmos, porque nisto consiste a vocação do...
Read More
Viver o Batismo é seguir os passos de Jesus- Homilia para o Domingo do Batismo do Senhor-Ano B- Dom Otacilio 

Viver o Batismo é seguir os passos de Jesus- Homilia para o Domingo do Batismo do Senhor-Ano B- Dom Otacilio 

Com a Liturgia da Festa do Batismo do Senhor (ano B), refletimos sobre a revelação de Jesus Cristo, o Filho...
Read More
Sejamos um sim a Deus e ao Seu Projeto de Salvação! Homilia – 4º Domingo do Advento do Ano B

Sejamos um sim a Deus e ao Seu Projeto de Salvação! Homilia – 4º Domingo do Advento do Ano B

Com a Liturgia do 4º Domingo do Advento (ano B), damos mais um passo fundamental nesta caminhada de preparação para...
Read More
Confiança, esperança e alegria no Senhor – Homilia – Terceiro Domingo do Advento – Ano B

Confiança, esperança e alegria no Senhor – Homilia – Terceiro Domingo do Advento – Ano B

“João é a voz no tempo; Cristo é, desde o princípio, a Palavra eterna.” Ao celebrar o 3º Domingo do...
Read More
Advento: vigilância ativa e efetiva – Homilia de Dom Otacilio – Primeiro Domingo do tempo do Avento Ano B

Advento: vigilância ativa e efetiva – Homilia de Dom Otacilio – Primeiro Domingo do tempo do Avento Ano B

Com o primeiro Domingo do Tempo do Advento (ano B), seremos convidados à vigilância, numa frutuosa preparação para o Natal...
Read More
Alegres e convictos Servidores do Reino – Homilia e reflexões de Dom Otacilio para o XXXIII Domingo do Tempo Comum (Ano A)

Alegres e convictos Servidores do Reino – Homilia e reflexões de Dom Otacilio para o XXXIII Domingo do Tempo Comum (Ano A)

  Alegres e convictos Servidores do Reino (Homilia - XXXIIIDTCA) A Liturgia do 33º Domingo do Tempo comum (Ano A),...
Read More
Permaneçamos vigilantes – XXXII do Tempo Comum do Ano A.

Permaneçamos vigilantes – XXXII do Tempo Comum do Ano A.

Com a Liturgia, do 32º Domingo do Tempo Comum (Ano A), refletimos sobre a necessária vigilância ativa na espera do...
Read More
O Ministério do padre na hora mais difícil: a morte.

O Ministério do padre na hora mais difícil: a morte.

Finados: dia de recolhimento, oração e contemplação de nossa realidade penúltima, a morte; fortalecimento na fé sobre nossa realidade última,...
Read More
Bem-Aventuranças vividas, Santidade alcançada (Homilia Festa de todos os santos e santas)

Bem-Aventuranças vividas, Santidade alcançada (Homilia Festa de todos os santos e santas)

  A Solenidade de todos os Santos abre nosso espírito e coração às consequências da Ressurreição. Para Jesus, ela foi...
Read More
Amor a Deus e ao próximo, dois amores inseparáveis – 30º Domingo do Tempo Comum (Ano A)

Amor a Deus e ao próximo, dois amores inseparáveis – 30º Domingo do Tempo Comum (Ano A)

Amor a Deus e ao próximo, dois Amores inseparáveis O Mandamento do Amor é a essência da vida cristã Com...
Read More

Empresas que possibilitam este projeto: