Novena do padroeiro da Diocese e da paróquia São Miguel em Guanhães – Oitava Noite

Missa presidida, na sexta, dia 30 , por Pe Saint Clair. Após a Missa, o 8º dia da Novena.

8º DIA

QUEM COMO DEUS? MISERICÓRDIA: CAMINHO DE TRANSFORMAÇÃO E COMPROMISSO..

01- Oração para todos os dias:

  1. São Miguel, príncipe da justiça e da paz, ajudai-nos a sonhar e construir um novo céu e uma nova terra, gestado e gerado na misericórdia do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

T: Senhor, dá-nos a graça de aceitar o chamado para sairmos do comodismo, a coragem para caminhar e semear sempre de novo, sempre mais além, tornando o mundo mais humano e amável.

D: Vem Espirito Santo, ajuda-nos a reconhecer Deus nos outros, saindo de nós mesmos para procurar o bem de todos, mudando o que for necessário agindo com generosidade e coragem.

T: Faça-nos  Senhor, pessoas e comunidades em saída, levando em nosso coração a mensagem do teu Evangelho, sua força, sua potencialidade. Desperta em nós a esperança para sermos pessoas e comunidades acolhedoras e misericordiosas.

03-Reflexão  após a comunhão

L1: A Bula fala da Porta Santa.  Forte símbolo de um ritual de passagem, o atravessar a porta quer nos fazer refletir que um caminho novo merece uma caminhada para lá chegar; depois, precisa-se de uma decisão, cruzar o umbral, o limiar, a porta, e assim adentrar em uma nova realidade, em uma nova visão de mundo, em um contemplar novos céus e nova terra, em um respirar novos ares…

As: Na misericórdia, temos a prova de como Deus ama. Ele dá tudo de Si mesmo, para sempre, gratuitamente e sem pedir nada em troca.

L2: Peregrinação é um sinal peculiar no Ano Santo, ícone do caminho que cada pessoa realiza na sua existência. A vida é uma peregrinação  ser humano é um caminhante, um peregrino que percorre uma estrada até desejada. Para além de uma peregrinação a uma cidade, a um santuário, o Senhor Jesus indica as etapas da peregrinação através das quais é possível atingir esta meta.

As: Abramos os nossos olhos para ver as misérias do mundo, as feridas de tantos irmãos e irmãs privados da própria dignidade e sintamo-nos desafiados a escutar o seu grito por ajuda.

L1: Para chegar a Porta Santa, cada pessoa deverá fazer, segundo as próprias forças, uma peregrinação. Esta será sinal de que a própria misericórdia é uma meta a alcançar, a exigir empenho e sacrifício. Ao atra-vessar a Porta Santa, teremos assumido o compromisso de sermos misericordiosos como os outros como o Pai é conosco.  Vivamos as etapas da peregrinação indicadas por Jesus para atingir a meta da misericórdia como: Não julgar nem condenar! Não falar mal do irmão.

As: Que o grito de tantos irmãos que sofrem se torne o nosso e, juntos, possamos romper a barreira de indiferença que frequentemente reina soberana para esconder a hipocrisia e o egoísmo.

L2: Outra etapa é abrir o coração! Ir ao encontro dos irmãos mais sofridos: “Quantas situações de precarie-dade e sofrimento no mundo atual! Quantas feridas gravadas na carne de muitos que já não tem voz, porque o seu grito foi esmorecendo e se apagou por causa da indiferença. Somos chamados a cuidar destas feridas, aliviá-las com o óleo da consolação, enfaixa-las com a misericórdia e trata-las com a solidariedade e atenção devidas”.

03- Ladainha de São Miguel

04- Oração São Miguel

05- Hino São Miguel

A Palavra do Pastor
A comunidade do Ressuscitado – Homilia – 2º Domingo da Páscoa Ano B

A comunidade do Ressuscitado – Homilia – 2º Domingo da Páscoa Ano B

Com a Liturgia do 2º Domingo da Páscoa (ano B), também chamado de “Domingo da Misericórdia”, à luz da Palavra...
Read More
O Cristo Ressuscitado caminha conosco! Aleluia!

O Cristo Ressuscitado caminha conosco! Aleluia!

O Ano Litúrgico (ano B), começa com a quarta-feira de cinzas, e com ela o início do itinerário quaresmal, e...
Read More
Domingo de Ramos:  Jesus elevado na Cruz para nos elevar – Homilia – Dom Otacilio F. de Lacerda

Domingo de Ramos: Jesus elevado na Cruz para nos elevar – Homilia – Dom Otacilio F. de Lacerda

"Meu  Deus, meu Deus, por que me abandonaste?"  (Mc 15,34) No Domingo de Ramos (ano B), refletimos sobre o Amor de...
Read More
“Deus merece que sejamos melhores” – Homilia – Quarto Domingo do Tempo Quaresmal – Dom Otacilio – Ferreira de Lacerda

“Deus merece que sejamos melhores” – Homilia – Quarto Domingo do Tempo Quaresmal – Dom Otacilio – Ferreira de Lacerda

A Liturgia do 4º Domingo da Quaresma (Ano B) é conhecida como Domingo “Laetare”, ou seja, Domingo da alegria, devido...
Read More
A cidade, seus clamores e a missão Presbiteral – Dom Otacilio F. de Lacerda

A cidade, seus clamores e a missão Presbiteral – Dom Otacilio F. de Lacerda

As grandes cidades enfrentam os inúmeros problemas de nosso tempo, principalmente porque vivemos em mudança de época, muito mais do...
Read More
Uma religião agradável ao Senhor – Homilia – Terceiro Domingo do Tempo Comum – Ano B

Uma religião agradável ao Senhor – Homilia – Terceiro Domingo do Tempo Comum – Ano B

Com o 3º Domingo da Quaresma (ano B), damos mais um passo no Itinerário rumo à Páscoa do Senhor. Podemos...
Read More
A Glória é precedida pela Cruz – Homilia – Segundo Domingo do Tempo Quaresmal – Ano B

A Glória é precedida pela Cruz – Homilia – Segundo Domingo do Tempo Quaresmal – Ano B

O segundo Domingo da Quaresma (ano B), identificado como “O Domingo da Transfiguração do Senhor”, é um convite a escutarmos...
Read More
Evangelização e acolhida do sopro do Espírito

Evangelização e acolhida do sopro do Espírito

“Ai de mim se seu não evangelizar” (1 Cor 9,16). A Evangelização na cidade tem inúmeros e grandes desafios, de modo...
Read More
“Não nos deixeis cair em tentação” – Homilia do Primeiro Domingo da Quaresma- Ano B

“Não nos deixeis cair em tentação” – Homilia do Primeiro Domingo da Quaresma- Ano B

No 1º Domingo da Quaresma (Ano C), repensamos nossas opções de vida, tomando consciência das tentações que nos impedem de...
Read More
Libertos pelo Senhor para amar e servir – VI Domingo do Tempo Comum Ano B – Homilia

Libertos pelo Senhor para amar e servir – VI Domingo do Tempo Comum Ano B – Homilia

“Jesus, cheio de compaixão, estendeu a mão, tocou nele e disse:  “Eu quero: fica curado!”. No mesmo instante  a lepra...
Read More

Empresas que possibilitam este projeto: