Artigos

Revisando as virtudes

siteRevisitando as virtudes – prof. Marins

Nestes tempos em que todos nós sentimos falta de virtudes morais e que a justiça vem sendo tão chamada a participar de nossa vida no Brasil, pensei ser hora de revisitar as virtudes, que sempre começam pela justiça. A personificação da justiça que equilibra os dois pratos numa balança remonta às divindades gregas Thémis e sua filha Diké. Mas foi na Roma Antiga que se adotou a imagem que vemos hoje, de uma deusa que se chamou de Iustitia representada carregando uma balança e uma espada e usando uma venda nos olhos. Continue lendo

Toda vocação exige sempre um êxodo de si mesmo para centrar a própria existência em Cristo e no seu Evangelho” Papa Francisco

 

viniciusAo término de um semestre, dentre vários outros que já decorreram durante nossa caminhada, temos ardente em nosso coração a alegria de perceber o crescimento intelectual e espiritual que nos é concedido a cada dia, por intermédio da instituição e por graça de Deus que caminha conosco neste discernimento vocacional. Finalizar um semestre é perceber a bondade de Deus, onde nas dificuldades e desafios propostos a nós seminaristas, nos dá condição para sermos a cada dia pessoas melhores, humanas, que na fragilidade de ser quem somos não nos tira a alegria de viver o Evangelho, mas penetra o mais profundo de nosso âmago e direciona-nos ao objetivo maior. Continue lendo

Guia de leitura do texto, LAUDATO SI, divulgado por Radio Vaticano, 18-06-2015

laudato-si-opusdei_20150619120102407989Este texto oferece um instrumento de suporte para uma primeira leitura da Encíclica, ajudando a compreender o seu desenrolar na totalidade e a identificar as linhas principais. Primeiro apresenta a Laudato si’ na sua globalidade; depois, cada página corresponde a um capítulo, indica seu objetivo e reproduz alguns trechos significativos. Os números entre parêntesis remetem aos parágrafos da Encíclica. Continue lendo

Ecologia integral. A grande novidade da Laudato Si’. “Nem a ONU produziu um texto desta natureza”. Entrevista especial com Leonardo Boff

laudato-si-opusdei_20150619120102407989O conceito de ecologia integral é “o ponto central da construção teórica e prática da Laudato Si”. Receio que ela não seja entendida pela grande maioria, colonizada mentalmente apenas pelo discurso antropocêntrico de ambientalismo, dominante nos meios de comunicação social e infelizmente nos discursos oficiais dos governos e das instituições internacionais como a ONU. Como o novo paradigma sugere, todos formamos um grande e complexo todo”, afirma o teólogo e escritor. Continue lendo

CAPÍTULO IX – ESPIRITUALIDADE CONJUGAL E FAMILIAR- Amor na família do Papa Francisco

papa-300x124

O amor assume matizes diferentes, segundo o estado de vida a que cada um foi chamado. Várias décadas atrás, o Concílio Vaticano II, a propósito do apostolado dos leigos, punha em realce a espiritualidade que brota da vida familiar. Dizia que a espiritualidade dos leigos «deverá assumir características especiais» próprias, nomeadamente a partir do «estado do matrimónio e da família», e que os cuidados familiares não devem ser alheios ao seu estilo de vida espiritual. Continue lendo

CAPÍTULO VIII – ACOMPANHAR, DISCERNIR E INTEGRAR A FRAGILIDADE – O amor na família do Papa Francisco

amoris-laetitia-sobre-o-amor-na-familia-papa-francisco-cleber-rodrigues-cancao-nova

Embora não cesse jamais de propor a perfeição e convidar a uma resposta mais plena a Deus, a Igreja deve acompanhar, com atenção e solicitude, os seus filhos mais frágeis, marcados pelo amor ferido e extraviado, dando-lhes de novo confiança e esperança…
1- A gradualidade na pastoral.  Quando a união atinge uma notável estabilidade através dum vínculo público e se caracteriza por um afeto profundo, responsabilidade para com a prole, capacidade de superar as provas, pode ser vista como uma ocasião a acompanhar na sua evolução para o sacramento do matrimônio.  Continue lendo

CAPÍTULO VII – REFORÇAR A EDUCAÇÃO DOS FILHOS- O amor em Família do Papa Francisco

papa-300x124

Os pais incidem sempre, para bem ou para mal, no desenvolvimento moral dos seus filhos. Consequentemente, o melhor é aceitarem esta responsabilidade inevitável e realizarem-na de modo consciente, entusiasta, razoável e apropriado.
1- Onde estão os filhos? A família não pode renunciar a ser lugar de apoio, acompanhamento, guia, embora tenha de reinventar os seus métodos e encontrar novos recursos. Continue lendo

CAPÍTULO VI – ALGUMAS PERSPECTIVAS PASTORAIS – O Amor na família de Papa Francisco

amoris-laetitia-sobre-o-amor-na-familia-papa-francisco-cleber-rodrigues-cancao-nova

As diferentes comunidades é que deverão elaborar propostas mais práticas e eficazes, que tenham em conta tanto a doutrina da Igreja como as necessidades e desafios locais. Sem pretender apresentar aqui uma pastoral da família, limitar-me-ei a coligir alguns dos principais desafios pastorais.
1- Anunciar hoje o Evangelho da família.  As famílias cristãs são, pela graça do sacramento nupcial, os sujeitos principais da pastoral familiar, sobretudo oferecendo «o testemunho jubiloso dos cônjuges e das famílias, igrejas domésticas».  Continue lendo

CAPÍTULO V -O AMOR QUE SE TORNA FECUNDO – AMOR LAETITIA- DO PAPA FRANCISCO

papaO amor sempre dá vida. Por isso, o amor conjugal «não se esgota no interior do próprio casal (…). “Os cônjuges, doam para além de si mesmos a realidade do filho, reflexo vivo do seu amor…
1-Acolher uma nova vida. A família é o âmbito não só da geração, mas também do acolhimento da vida que chega como um presente de Deus. Cada nova vida permite-nos descobrir a dimensão mais gratuita do amor, que nunca cessa de nos surpreender.  Isto mostra-nos o primado do amor de Deus que sempre toma a iniciativa, porque os filhos «são amados antes de ter feito algo para o merecer». Continue lendo

Curta Nossa Fanpage:

Empresas que possibilitam este projeto:

Arquivo