Cartão de Páscoa de Dom Darci

No Domingo da Ressurreição , fiéis da Diocese receberam um cartão oferecido por Darci com mensagem pascal.

Ele não está aqui.
Ressuscitou como disse!’
M 28.6

Gente boa!
É inegável que estamos vivendo tempos difíceis e turbulentos. O
senso comum também percebe que as relações pessoais truncadas e a desorganização sociopolítica têm machucado a vida, provocando medo e insegurança. O povo brasileiro, mais fortemente os pobres, se sente impotente e carente das politicas públicas tão necessárias para o bem de todos, como nos alerta a Campanha da Fraternidade deste ano.
Hoje, em muitos aspectos, a sombra da morte ronda, ainda mais quando nos deparamos com tantas tragédias provocadas: corrupção, abuso de poder, pobreza humana, espiritual e material. Mas, apesar dessas angústias e desencantos, o povo cristão exulta com um vibrante “aleluia” e se propõe proclamar na liturgia pascal: “Oh morte onde está tua vitória?!” (1 Cor 15, 55)
É tempo de Páscoa, tempo de esperança! Faço minhas as palavras do Papa.
Páscoa é certeza da vitória da vida sobre a morte, garantia de quem vence o mal fazendo o bem. A morte morreu e Cristo, o Senhor, venceu! Ouçamos as palavras do Ressuscitado: “Eis que faço novas todas as coisas” (Ap 21,5). Acolha, meu irmão e minha irmã, esta palavra consoladora de Jesus e recomece quantas vezes for necessário, ainda com mais coragem e esperança. A força da ressurreição se manifesta naqueles que labutam, dia após dia, para tornar a vida possível e prazerosa de ser vivida.

Ofereço-lhes esta oração pascal:

A Páscoa renova a Esperança!
(Card. Carlo Maria Martini)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Espírito bendito e santo, eu sei que tu acolhes o gemido de toda criatura resistindo a qualquer falsa sabedoria, a qualquer prevaricação das potências. Sei que a tua cuidadosa inspiração nos persuade para a esperança, e a tua esplêndida energia nos anima diante de qualquer prostração.
O meu coração exulta pensando que a dignidade do homem e a beleza do mundo são objeto da tua obstinada fidelidade e do teu inexaurível cuidado.
Eu confio na força de tua proteção e com todo temor e tremor espero na potência da tua redenção para o tempo do homem e da mulher.
Eu aprendi de ti que um tempo livre do mal e protegido do maligno é acessível para cada um somente pelo amor e pela fidelidade que o acompanham.
A qualidade de vida que ai se esconde é decidida pela abertura do coração à tua sabedoria.
Sei que esse tempo está próximo, está aqui.
Já agora ele é afetuosamente premente sobre nós na contemplação dos teu sinais: na exultação que acompanha
qualquer derrota do mal, na firmeza que vence a prevaricação, na ternura que toma cuidado com qualquer fraqueza. Na experiência do Filho crucificado, que se repete para todos aqueles que são perseguidos por causa da justiça, e na certeza do Ressuscitado, que se transmite mediante a obra dos discípulos que edificam a lgreja, eu recebo uma confirmação decisiva disso.
A multiplicação do mal não tem futuro, a mediocridade interessada não tem esperança de poder prolongar a sua
sobrevivência por conta dos puros de coração, dos operadores da paz, dos apaixonados pela justiça; e, com ela, todo egoísmo religioso fechado no próprio privilégio, todo parasitismo econômico fechado no próprio bem-estar, todo cálculo político fechado na própria dominação.
Tudo isso é consumado no fogo da ira de Deus, na incandescente pureza do amor crucificado de Jesus.Eu sei, Senhor, que o povo das bem-aventuranças e a fileira das testemunhas fiéis serão, enfim, ressarcidas pelo tempo das
lágrimas e tu serás tudo em todos na plenitude do Reino.
Receba nossos votos de Feliz Páscoa, do Arcebispo e de todo o Clero!
+ Darci José Nicioli, CSsR
Arcebispo Metropolitano da Arquidiocese de Diamantina e Administrador apostólico da Diocese de Guanhães.

 

A Palavra do Pastor
O Senhor carregou sobre Si nossa humanidade ferida

O Senhor carregou sobre Si nossa humanidade ferida

Uma reflexão sobre a “A Doutrina Social da Igreja à luz da misericórdia divina”, e da passagem do Evangelho sobre...
Read More
Síntese da Mensagem para a Quaresma de 2020

Síntese da Mensagem para a Quaresma de 2020

A Mensagem para a Quaresma de 2020 do Papa Francisco, tem como motivação o versículo da Segunda Carta de Paulo...
Read More
A Quarta- Feira de Cinzas no Mistério da fé

A Quarta- Feira de Cinzas no Mistério da fé

Com a Quarta-feira de Cinzas, a Igreja inicia a Quaresma, Tempo favorável da Salvação e os fiéis recebem as Cinzas...
Read More
Servidores da Paz e do Amor Pleno – Jesus (Homilia 7º Domingo Tempo Comum- ano A)

Servidores da Paz e do Amor Pleno – Jesus (Homilia 7º Domingo Tempo Comum- ano A)

Servidores da Paz e do Amor Pleno – Jesus “...Bem-aventurados os mansos porque herdarão a terra... Bem aventurados os que...
Read More
A graça de ser Padre

A graça de ser Padre

“Irmãos, cuidai cada vez mais de confirmar a vossa vocação e eleição. Procedendo assim, jamais tropeçareis. Desta maneira vos será...
Read More
Só Deus nos garante a verdadeira felicidade ( Homilia 6º Domingo Tempo Comum – Ano A)

Só Deus nos garante a verdadeira felicidade ( Homilia 6º Domingo Tempo Comum – Ano A)

  Só Deus nos garante a verdadeira felicidade "Enquanto o amor humano tende a apossar-se do bem que encontra no...
Read More
Sejamos Sal e luz na planície do quotidiano ( Homilia do 5º Domingo do Tempo Comum- Ano A)

Sejamos Sal e luz na planície do quotidiano ( Homilia do 5º Domingo do Tempo Comum- Ano A)

Sejamos Sal e luz na planície do quotidiano ... quando atraímos o olhar de todos para Deus, e não para...
Read More
Festa da Apresentação do Senhor: Jesus Cristo é a nossa Luz e Salvação ( Homilia- Domingo 02 de fevereiro)

Festa da Apresentação do Senhor: Jesus Cristo é a nossa Luz e Salvação ( Homilia- Domingo 02 de fevereiro)

“Quanto a ti, uma espada te traspassará a alma” ( Lc 2,35) No dia 2 de fevereiro, celebramos a Festa...
Read More
Ser Padre: missão de resplandecer a luz de Cristo no rosto da Igreja

Ser Padre: missão de resplandecer a luz de Cristo no rosto da Igreja

“O Concílio deseja ardentemente iluminar todos os homens com a claridade de Cristo, luz dos povos, que brilha na Igreja,...
Read More
Sejamos instrumentos nas mãos de Deus (Homilia do 3º Domingo do Ano A)

Sejamos instrumentos nas mãos de Deus (Homilia do 3º Domingo do Ano A)

No 3º Domingo do Tempo Comum (Ano A), refletimos sobre o Projeto de Salvação e de Vida plena que Deus...
Read More

Empresas que possibilitam este projeto: