Retorno às Missas com participação presencial parcial – Paróquia São Miguel e Almas/ Guanhães

Devido à pandemia chamada Covid-19 causada pelo vírus Corona Vírus e pelas orientações da OMS (Organização Mundial de Saúde), recomendou-se o distanciamento social, com fechamento de escolas, mercados, cancelamentos de eventos, estímulo ao teletrabalho, evitando-se aglomerações de pessoas. Assim sendo, A CNBB  recomendou às Comunidades paroquiais e diocesanas fecharem suas portas para as celebrações, reuniões , encontros de formação. Na Diocese de Guanhães, após Comunicado do sr bispo Dom Otacilio Ferreira de Lacerda, todas as atividades que promoviam agrupamentos de pessoas foram suspensas. Reuniões, encontros de formação , orações, reflexões e Missas passaram a ser realizadas com número mínimo de pessoas e transmitidas ao vivo por emissoras de Rádios locais , Whatsapp, Messenger, Facebook e outros.  Na Catedral São Miguel , missas celebradas diariamente e transmitidas em tempo real desde o dia 20 de março/2020, presididas por Dom Otacilio; por  Pe Hermes , pároco da paróquia São Miguel e Almas e por Pe Adão Soares Sousa , pároco das paróquias Nossa Senhora Aparecida- Pito/ Guanhães e Nossa Senhora do Porto.

A partir de 30 de agosto de 2020, seguindo as decisões das autoridades municipais e as orientações do Decreto Municipal, retornaram-se as Missas com participação presencial parcial dos fiéis (30% da capacidade da Catedral), com oferta de mais horários de celebrações durante a semana; três aos domingos e uma aos sábados.

Na dia 29/08 dia que antecedeu o retorno Dom Otacilio escreveu e publicou em seu blog o seguinte texto

Depois de um longo tempo…

“As comunidades eram perseverantes na Doutrina dos Apóstolos,

na Comunhão Fraterna, na Fração do Pão e na Oração”

(At 2, 42-45).

Amanhã, retomaremos às Missas com participação presencial parcial, observando as  necessárias restrições e limitações que o momento exige, no cuidado de si e do outro.

Protocolos a serem observados se somarão às rubricas necessárias, que garantam a beleza da celebração, e também a graça de  estarmos juntos e podermos celebrar.

Não verei o sorriso e a pureza do olhar das crianças, bem como  muitos rostos com suas marcas, rugas e cabelos prateados, sinal de uma vida na graça e no temor de Deus vivido.

Não veremos todos os bancos tomados, como é praxe acontecer, mas com certeza, se considerarmos que outros tantos conosco de casa participando, não há bancos que a todos possamos acolher.

Não nos saudaremos, tão pouco nos abraçaremos, mas a alegria do reencontro falará mais alto, porque há muito não nos víamos ao redor das Mesas Salutares da Palavra e da Eucaristia.

Amanhã, veremos o brilho no olhar, e que antes parecia impossível e distante, agora, aos poucos, começa a se tornar uma doce e sonhada e tão desejada realidade.

É uma etapa a ser vivida, acolhida com amor, prudência e paciência, e que esperamos, num breve tempo transcorrido, podermos nos reencontrar, e todos juntos, na alegria e fé celebrar.

Amanhã… (Postado por Dom Otacilio F. Lacerda em seu blog:   ( http://peotacilio.blogspot.com no dia 29/08/2020)

 

 

 

A Palavra do Pastor
Graça e perseverança na missão

Graça e perseverança na missão

 “Tende entre vós o mesmo sentimento que existe em Cristo Jesus” (Fl 2,5) Retomo as iluminadoras palavras do Papa Francisco na...
Read More
Sejamos curados pelo Senhor – Homilia – XXIII Domingo do Tempo Comum

Sejamos curados pelo Senhor – Homilia – XXIII Domingo do Tempo Comum

“Olhando para o céu, suspirou e disse:  “Effatha!”, que quer dizer “abre-te!” No 23º Domingo do Tempo Comum (ano B),...
Read More
Paróquia: Escola de Comunhão e de Amor

Paróquia: Escola de Comunhão e de Amor

Como Igreja que somos, precisamos testemunhar a nossa Fé, dando solidez à Esperança, na vivência concreta e eficaz da Caridade,...
Read More
Nossa prática religiosa é agradável a Deus? Homilia – 22º Domingo do Tempo Comum – Ano B – Dom  Otacilio F. de Lacerda.

Nossa prática religiosa é agradável a Deus? Homilia – 22º Domingo do Tempo Comum – Ano B – Dom Otacilio F. de Lacerda.

Com a Liturgia do 22º Domingo do Tempo Comum (ano B), aprofundamos como deve ser uma verdadeira religião que agrade...
Read More
“Só Tu tens Palavras de vida eterna” – Homilia 21º Domingo do Tempo Comum

“Só Tu tens Palavras de vida eterna” – Homilia 21º Domingo do Tempo Comum

“A quem iremos, Senhor?” Com a Liturgia do 21º Domingo do Tempo Comum (ano B), refletimos sobre nossas opções, sobre o discernimento que...
Read More
A missão e o Alimento indispensável – Homilia 19º Domingo Comum – Ano B

A missão e o Alimento indispensável – Homilia 19º Domingo Comum – Ano B

A Liturgia do 19º Domingo do Tempo Comum (ano B), continuamos a refletir sobre um tema de extrema importância: Jesus...
Read More

Temos fome e sede de Deus – XVIII Domingo do Tempo Comum

Com a Liturgia do 18º Domingo do Tempo Comum (ano B), refletimos sobre o Jesus, o Pão da Vida, e,...
Read More
A insustentabilidade dos horizontes fragmentários

A insustentabilidade dos horizontes fragmentários

“Qual é o lugar que concedemos a Deus na nossa vida? Na cultura contemporânea está presente um indubitável processo de...
Read More
Eucaristia: O milagre do amor e da partilha XVII Domingo do Tempo Comum do Ano B

Eucaristia: O milagre do amor e da partilha XVII Domingo do Tempo Comum do Ano B

Com a Liturgia do 17º Domingo do Tempo Comum (ano B), contemplamos a ação de Deus: é próprio do Seu...
Read More
“Confirma a caridade para consolidar a unidade”

“Confirma a caridade para consolidar a unidade”

“Confirma a caridade para consolidar a unidade” Reflitamos à luz deste parágrafo do Sermão sobre os pastores, escrito pelo Bispo...
Read More

Empresas que possibilitam este projeto: