Cônego Lafayette é homenageado com monumento em São Sebastião do Maranhão (MG)

Um monumento, conforme sabemos, é de grande importância para nos fazer lembrar e refletir sobre um fato ocorrido ou o que aquilo representa; serve para marcar uma época ou um acontecimento cultural, social, político entre outros.

Para o povo de São Sebastião do Maranhão, o monumento em honra ao Cônego Lafayette trará alegres recordações e possibilitará tornar ainda mais conhecido, pelas próximas gerações, a dedicação pastoral do homenageado que percorria longas distâncias montado num animal para atender o povo de Deus nesta cidade, vindo de Santa Maria do Suaçuí.

A inauguração e bênção do monumento realizaram-se na “festa do Cônego” – 58° aniversário de falecimento do Servo de Deus Cônego Lafayette da Costa Coelho – em 21 de setembro de 2019, após a missa das 15 horas, e é fruto da parceria feita entre a Paróquia com sua equipe e a Prefeitura.

O monumento é uma escultura feita pelo artista plástico Arcanjo Rany, natural de Ponte Nova (MG) e morador da Serra do Cipó, e tem esculturas como o Juquinha da Serra do Cipó, Onça pintada na Praça de Angra dos Reis, outra obra na Praça da OAB em BH, Nossa Senhora do Patrocínio em Virginópolis, Mula da Serra da Bocaina em SP, Cônego Lafayette em São José da Safira, busto de Cônego Bento Ribeiro Costa em Dom Joaquim entre outras obras. Arcanjo é autodidata, desde os 12 anos, talento herdado de seus avós.

Em janeiro, na festa do padroeiro, será inaugurada outra escultura, dessa vez em honra a São Sebastião. Terá um total de 15 metros de altura no alto do morro e poderá ser vista de vários pontos da cidade. Será um Mirante.

Tal iniciativa faz parte das comemorações do 75º ano de criação da paróquia na cidade de São Sebastião do Maranhão, 70º ano de emancipação municipal.

PASCOM de São Sebastião do Maranhão (MG)

 

A Palavra do Pastor
Presbítero: Homem da Palavra e de palavra

Presbítero: Homem da Palavra e de palavra

O sopro do Concílio nos desafiou a assumir as alegrias e tristezas, angústias e esperanças da humanidade, como Igreja de...
Read More
Do Cálice à Missão, da Missão ao Cálice!

Do Cálice à Missão, da Missão ao Cálice!

Todos os dias são dias de missão, e a Igreja que vive no tempo é missionária, por sua natureza, tendo...
Read More
Somente Deus nos concede a verdadeira riqueza – Homilia para o XXVIII Domingo do Tempo Comum – Ano B.

Somente Deus nos concede a verdadeira riqueza – Homilia para o XXVIII Domingo do Tempo Comum – Ano B.

No 28º Domingo do Tempo Comum (ano B), somos convidados a refletir sobre o essencial e o efêmero em nossa...
Read More
Somos um povo peregrino e evangelizador .

Somos um povo peregrino e evangelizador .

“Nós vimos o Senhor” (Jo 20,25) Na Exortação Evangelii Gaudium, o Papa afirma que “A Evangelização é dever da Igreja. Este sujeito da...
Read More
O Sacramento do Matrimônio no Plano de Deus – Homilia do XXVII Domingo do Tempo Comum do Ano B

O Sacramento do Matrimônio no Plano de Deus – Homilia do XXVII Domingo do Tempo Comum do Ano B

  No 27º Domingo do Tempo Comum (Ano B), refletimos sobre a aliança matrimonial que, no Projeto de Deus, consiste...
Read More
Graça e perseverança na missão

Graça e perseverança na missão

 “Tende entre vós o mesmo sentimento que existe em Cristo Jesus” (Fl 2,5) Retomo as iluminadoras palavras do Papa Francisco na...
Read More
Sejamos curados pelo Senhor – Homilia – XXIII Domingo do Tempo Comum

Sejamos curados pelo Senhor – Homilia – XXIII Domingo do Tempo Comum

“Olhando para o céu, suspirou e disse:  “Effatha!”, que quer dizer “abre-te!” No 23º Domingo do Tempo Comum (ano B),...
Read More
Paróquia: Escola de Comunhão e de Amor

Paróquia: Escola de Comunhão e de Amor

Como Igreja que somos, precisamos testemunhar a nossa Fé, dando solidez à Esperança, na vivência concreta e eficaz da Caridade,...
Read More
Nossa prática religiosa é agradável a Deus? Homilia – 22º Domingo do Tempo Comum – Ano B – Dom  Otacilio F. de Lacerda.

Nossa prática religiosa é agradável a Deus? Homilia – 22º Domingo do Tempo Comum – Ano B – Dom Otacilio F. de Lacerda.

Com a Liturgia do 22º Domingo do Tempo Comum (ano B), aprofundamos como deve ser uma verdadeira religião que agrade...
Read More
“Só Tu tens Palavras de vida eterna” – Homilia 21º Domingo do Tempo Comum

“Só Tu tens Palavras de vida eterna” – Homilia 21º Domingo do Tempo Comum

“A quem iremos, Senhor?” Com a Liturgia do 21º Domingo do Tempo Comum (ano B), refletimos sobre nossas opções, sobre o discernimento que...
Read More

Empresas que possibilitam este projeto: