Novena do padroeiro da Diocese e da paróquia São Miguel em Guanhães – Quinta Noite

 

 

5º DIA

Missa presidida por Pe Padre Dilton e concelebrada por Pe Luís Maurício. A Missa e a Novena foram animadas pelos  Homens do Terço.

Tema: QUEM COMO DEUS? MISERICÓRDIA:O ATO ÚLTIMO E SUPREMO PELO QUAL DEUS VEM AO NOSSO ENCONTRO.

01- Oração para todos os dias:

  1. São Miguel, príncipe da justiça e da paz, ajudai-nos a sonhar e construir um novo céu e uma nova terra, gestado e gerado na misericórdia do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

T: Senhor, dá-nos a graça de aceitar o chamado para sairmos do comodismo, a coragem para caminhar e semear sempre de novo, sempre mais além, tornando o mundo mais humano e amável.

D: Vem Espirito Santo, ajuda-nos a reconhecer Deus nos outros, saindo de nós mesmos para procurar o bem de todos, mudando o que for necessário agindo com generosidade e coragem.

T: Faça-nos  Senhor, pessoas e comunidades em saída, levando em nosso coração a mensagem do teu Evangelho, sua força, sua potencialidade. Desperta em nós a esperança para sermos pessoas e comunidades acolhedoras e misericordiosas.

03-Reflexão  após a comunhão

L1: Misericórdia: é o ato último e supremo pelo qual Deus vem ao nosso encontro. Num mundo marcado pelo egoísmo, intolerância, arrogância e fundamentalismo, que tem gerado guerra, pobreza, exclusão, desrespeito, sofrimento e morte, o Papa conclama a humanidade a mergulhar no oásis da misericórdia. Diante dos inconformismos, dos que gritam por justiça e choram por seus mortos, o Papa vem lembrar que “a misericórdia será sempre maior do que qualquer pecado, e ninguém pode colocar um limite ao amor de Deus que perdoa” e salva.

As: “As situações de miséria e de conflitos são para Deus ocasiões de misericórdia”

L2: A misericórdia de Deus é o coração pulsante do Evangelho, por meio dela deve chegar ao coração e mente de cada pessoa. A Igreja deve irradiar misericórdia. Onde houver cristãos, nas nossas paróquias, comunidades, qualquer pessoa que chegue deve encontrar “oásis” de misericórdia.

As. “Sejam misericordiosos, como o Pai de vocês é misericordioso”. Queremos celebrar o Ano Santo à luz desta Palavra de Jesus.

L1: Misericórdia: é o ato último e supremo pelo qual Deus vem ao nosso encontro. Qual é a força da misericórdia? É fazer Deus triunfar, reinar sobre minha pessoa abatendo os ídolos da impiedade que permeiam mentes e espíritos: “Naquele tempo, diz o SENHOR, serei o Deus de todas as famílias de Israel, e elas serão o meu povo.”

As: Paciente e misericordioso: “O Senhor cura os de coração atribulado e trata-lhes as feridas. … O Senhor ampara os humildes” (Sl 147) 

L2: Refletir sobre a misericórdia é refletir sobre o quanto o amor de Deus é presente em nossa história. Para nos amar Deus não nos pergunta primeiro se somos santos ou quais são os nossos pecados. Ele não procura inquirir sobre o nosso passado para saber se deve ou não nos amar. O seu amor é gratuito, incondicional, sem reservas e sem medo.

 

A Palavra do Pastor
“Coragem, Ele te chama” Homilia para o 30º Domingo do Tempo Comum

“Coragem, Ele te chama” Homilia para o 30º Domingo do Tempo Comum

  Joguemos o manto e saltemos ao encontro do Amor. No 30º Domingo do Tempo Comum (Ano B) refletimos sobre...
Read More
Presbítero: Homem da Palavra e de palavra

Presbítero: Homem da Palavra e de palavra

O sopro do Concílio nos desafiou a assumir as alegrias e tristezas, angústias e esperanças da humanidade, como Igreja de...
Read More
Do Cálice à Missão, da Missão ao Cálice!

Do Cálice à Missão, da Missão ao Cálice!

Todos os dias são dias de missão, e a Igreja que vive no tempo é missionária, por sua natureza, tendo...
Read More
Somente Deus nos concede a verdadeira riqueza – Homilia para o XXVIII Domingo do Tempo Comum – Ano B.

Somente Deus nos concede a verdadeira riqueza – Homilia para o XXVIII Domingo do Tempo Comum – Ano B.

No 28º Domingo do Tempo Comum (ano B), somos convidados a refletir sobre o essencial e o efêmero em nossa...
Read More
Somos um povo peregrino e evangelizador .

Somos um povo peregrino e evangelizador .

“Nós vimos o Senhor” (Jo 20,25) Na Exortação Evangelii Gaudium, o Papa afirma que “A Evangelização é dever da Igreja. Este sujeito da...
Read More
O Sacramento do Matrimônio no Plano de Deus – Homilia do XXVII Domingo do Tempo Comum do Ano B

O Sacramento do Matrimônio no Plano de Deus – Homilia do XXVII Domingo do Tempo Comum do Ano B

  No 27º Domingo do Tempo Comum (Ano B), refletimos sobre a aliança matrimonial que, no Projeto de Deus, consiste...
Read More
Graça e perseverança na missão

Graça e perseverança na missão

 “Tende entre vós o mesmo sentimento que existe em Cristo Jesus” (Fl 2,5) Retomo as iluminadoras palavras do Papa Francisco na...
Read More
Sejamos curados pelo Senhor – Homilia – XXIII Domingo do Tempo Comum

Sejamos curados pelo Senhor – Homilia – XXIII Domingo do Tempo Comum

“Olhando para o céu, suspirou e disse:  “Effatha!”, que quer dizer “abre-te!” No 23º Domingo do Tempo Comum (ano B),...
Read More
Paróquia: Escola de Comunhão e de Amor

Paróquia: Escola de Comunhão e de Amor

Como Igreja que somos, precisamos testemunhar a nossa Fé, dando solidez à Esperança, na vivência concreta e eficaz da Caridade,...
Read More
Nossa prática religiosa é agradável a Deus? Homilia – 22º Domingo do Tempo Comum – Ano B – Dom  Otacilio F. de Lacerda.

Nossa prática religiosa é agradável a Deus? Homilia – 22º Domingo do Tempo Comum – Ano B – Dom Otacilio F. de Lacerda.

Com a Liturgia do 22º Domingo do Tempo Comum (ano B), aprofundamos como deve ser uma verdadeira religião que agrade...
Read More

Empresas que possibilitam este projeto: