CARTA CONVOCATÓRIA PARA A ASSEMBLEIA DIOCESANA DA AÇÃO EVANGELIZADORA DA DIOCESE DE GUANHÃES

Observação: Conforme Dom Jeremias, esta carta deverá ser divulgada e lida em todos os grupos possíveis de  comunidades paroquiais e meios de comunicação.

brasao-diocese

MITRA DIOCESANA DE GUANHÃES

Guanhães, 01 de Maio de 2.016.

 

Caros irmãos Presbíteros, Religiosas, Consagradas, Seminaristas, Ministros da Palavra, Ministros Extraordinários da Sagrada Comunhão, Agentes de Pastoral, Povo de Deus da Diocese de Guanhães.

Neste Ano Santo da Misericórdia do Senhor, celebrando os Trinta Anos da instalação da nossa Diocese, convoco a todos, para que, no dia 15 de novembro realizemos a 5ª Assembleia Diocesana da Ação Evangelizadora da Diocese de Guanhães. Uma Assembleia Diocesana certamente é a oportunidade para avaliar a nossa caminhada, compreender o momento presente olhando para a história passada e planejar o futuro da nossa Igreja Particular. Nosso objetivo é o mesmo de toda a Igreja no Brasil: “Evangelizar a partir de Jesus Cristo, na força do Espírito Santo, como Igreja discípula, missionária, profética e misericordiosa, alimentada pela Palavra de Deus e pela Eucaristia, à luz da evangélica opção preferencial pelos pobres, para que todos tenham vida, rumo ao Reino Definitivo”.

Em comunhão com toda a Igreja desejamos dar uma resposta às urgências contempladas nas D.G.A.E. 2015-2019 e, ao mesmo tempo, realinhar a nossa caminhada e as nossas atividades com as urgências pastorais aprovadas na Assembleia de Pastoral do Regional Leste 2 realizada de 03 a 05 de novembro de 2.015:  Ser uma Igreja, comunidade de comunidades em missão; trabalhar a iniciação à vida cristã na comunidade e o Cuidado com a Casa Comum.

A partir deste momento, coloquemo-nos em “estado e em atitude de Assembleia”. As Diretrizes contempladas no Documento 102 da CNBB são um farol a iluminar o nosso caminhar. A Assembleia Diocesana tem a função de transformar as Diretrizes em planos pastorais, que são o conjunto de atividades articuladas entre si para se chegar a um objetivo. Sem um plano, os sonhos são conseguem tocar o chão da realidade.

Estou certo que temos condições para realizar este trabalho tão importante para a nossa Diocese. Somos todos co-responsáveis! Enfrentemos este desafio com esperança e alegria. A participação de todos é imprescindível! Que o Espírito Santo de Deus nos ilumine neste caminhar!  Não nos faltem a intercessão da Bem-Aventurada Virgem e de São Miguel Arcanjo, nosso Padroeiro!

Em Cristo Jesus, o Rosto da Misericórdia de Deus,

Dom Jeremias Antônio de Jesus

Bispo Diocesano

“Fiat Voluntas Tua”

A Palavra do Pastor
Viver o Batismo é seguir os passos de Jesus- Homilia para o Domingo do Batismo do Senhor-Ano B- Dom Otacilio 

Viver o Batismo é seguir os passos de Jesus- Homilia para o Domingo do Batismo do Senhor-Ano B- Dom Otacilio 

Com a Liturgia da Festa do Batismo do Senhor (ano B), refletimos sobre a revelação de Jesus Cristo, o Filho...
Read More
Sejamos um sim a Deus e ao Seu Projeto de Salvação! Homilia – 4º Domingo do Advento do Ano B

Sejamos um sim a Deus e ao Seu Projeto de Salvação! Homilia – 4º Domingo do Advento do Ano B

Com a Liturgia do 4º Domingo do Advento (ano B), damos mais um passo fundamental nesta caminhada de preparação para...
Read More
Confiança, esperança e alegria no Senhor – Homilia – Terceiro Domingo do Advento – Ano B

Confiança, esperança e alegria no Senhor – Homilia – Terceiro Domingo do Advento – Ano B

“João é a voz no tempo; Cristo é, desde o princípio, a Palavra eterna.” Ao celebrar o 3º Domingo do...
Read More
Advento: vigilância ativa e efetiva – Homilia de Dom Otacilio – Primeiro Domingo do tempo do Avento Ano B

Advento: vigilância ativa e efetiva – Homilia de Dom Otacilio – Primeiro Domingo do tempo do Avento Ano B

Com o primeiro Domingo do Tempo do Advento (ano B), seremos convidados à vigilância, numa frutuosa preparação para o Natal...
Read More
Alegres e convictos Servidores do Reino – Homilia e reflexões de Dom Otacilio para o XXXIII Domingo do Tempo Comum (Ano A)

Alegres e convictos Servidores do Reino – Homilia e reflexões de Dom Otacilio para o XXXIII Domingo do Tempo Comum (Ano A)

  Alegres e convictos Servidores do Reino (Homilia - XXXIIIDTCA) A Liturgia do 33º Domingo do Tempo comum (Ano A),...
Read More
Permaneçamos vigilantes – XXXII do Tempo Comum do Ano A.

Permaneçamos vigilantes – XXXII do Tempo Comum do Ano A.

Com a Liturgia, do 32º Domingo do Tempo Comum (Ano A), refletimos sobre a necessária vigilância ativa na espera do...
Read More
O Ministério do padre na hora mais difícil: a morte.

O Ministério do padre na hora mais difícil: a morte.

Finados: dia de recolhimento, oração e contemplação de nossa realidade penúltima, a morte; fortalecimento na fé sobre nossa realidade última,...
Read More
Bem-Aventuranças vividas, Santidade alcançada (Homilia Festa de todos os santos e santas)

Bem-Aventuranças vividas, Santidade alcançada (Homilia Festa de todos os santos e santas)

  A Solenidade de todos os Santos abre nosso espírito e coração às consequências da Ressurreição. Para Jesus, ela foi...
Read More
Amor a Deus e ao próximo, dois amores inseparáveis – 30º Domingo do Tempo Comum (Ano A)

Amor a Deus e ao próximo, dois amores inseparáveis – 30º Domingo do Tempo Comum (Ano A)

Amor a Deus e ao próximo, dois Amores inseparáveis O Mandamento do Amor é a essência da vida cristã Com...
Read More
“A Deus o que é de Deus” – Homilia – XXIX Domingo do Tempo Comum do Ano A

“A Deus o que é de Deus” – Homilia – XXIX Domingo do Tempo Comum do Ano A

A Liturgia do 29º Domingo do Tempo Comum (ano A) tem como tema principal a subordinação de nossa existência a...
Read More

Empresas que possibilitam este projeto: