Aberta no domingo, 13 de dezembro a Porta Santa do Ano Jubilar

Em razão da proclamação do Ano Jubilar Extraordinário da Misericórdia, por Sua Santidade o Papa Francisco com a Bula Misericordiae Vultus, Dom Jeremias  quis que nós da Diocese de Guanhães vivenciássemos o “Ano Jubilar como experiência de um encontro pessoal e eclesial com Jesus Cristo, levando-nos à conversão, a fim de que sejamos sinais do Reino e expressão desta misericórdia”.

No dia 08 de dezembro, Solenidade da Imaculada Conceição da Bem Aventurada Virgem, o Santo Padre, o Papa abriu a Porta Santa na Basílica de São Pedro, em Roma, dando início ao Ano da Misericórdia. “No domingo seguinte, o Terceiro Domingo do Advento, abrir-se-á a Porta Santa na Catedral de Roma, a Basílica de São João de Latrão. E em seguida será aberta a Porta Santa nas outras Basílicas Papais. Estabeleço que no mesmo domingo, em cada Igreja Particular – na Catedral, a Igreja Mãe para todos os fiéis […] se abra igualmente, durante todo o Ano Santo, uma Porta da Misericórdia. Por opção do Ordinário, ela poderá ser aberta também nos Santuários, meta de muitos peregrinos…” (MV 3)

Em comunhão com o Santo Padre o Papa, foi aberta no domingo, 13 de dezembro  a Porta Santa do Ano Jubilar, às 09 horas, na Igreja  Matriz e na Igreja Catedral de Guanhães.

Trechos da Homilia de Dom Jeremias:

Domingo da Alegria ou Domingo Róseo, para expressar nossa alegria.

Alegrai-vos sempre no Senhor! Alegrai-vos! Mesmo tendo motivos para estarmos tristes, chateados; como nos escreve São Paulo aos Filipenses: Alegrai-vos! Hoje, o mesmo, pede a nós, apesar de nossas perdas, dos desempregos, corrupção etc.Alegrai-vos!

Alegria! Porque se nos presenteia com a sua misericórdia. Somos chamados a alegrar-nos  pois a fé é a razão da nossa alegria. Não uma alegria histérica, mas alegria da certeza que Deus vem para nos salvar.  João Batista vem com a missão, após seu batismo, muitos vieram a ele perguntando: E agora? O que devemos fazer? Catequese moral: quem tem duas túnicas, reparta-as. Aos cobradores, não cobre além da medida, cobre o que é justo. E hoje, tem gente cobrando demais e o dinheiro sendo extraviado. Aos soldados, sejam pacíficos! Não sejam violentos, não roubem, não sejam corruptos!

Estamos próximos do Natal e como Maria e como João Batista somos chamados à alegria de contemplarmos o rosto de  Jesus : Ele cura, perdoa, ama, é misericordioso; tudo que faz é para mostrar o rosto do Pai, como Ele é!

Somos chamados a fazer o que Jesus fez: Sermos misericordiosos como o pai, irmos ao encontro de quem necessita. Somos chamados hoje a fazer a mesma pergunta: Senhor, o que devo fazer? Eu quero me converter. Precisamos buscar um “auto desarmamento” e “despirmo-nos” de tudo que nos impede de sermos verdadeiros cristãos, seguidores de Jesus Cristo.

Esperamos  que o Ano Misericórdia dê frutos.

Precisamos aprender  conviver com as pessoas difíceis. Eu sou difícil para a vida do outro? Sou pesado para alguém?

Precisamos ser aquele que ajuda a santificar o outro e não ser peso para a vida dele.

O que preciso fazer para passar pela porta da misericórdia? Tenho que ter consciência dos meus pecados, arrepender-me, confessar, praticar obras de misericórdia, sejam elas, espirituais, ou corporais e rezar pelo papa Francisco. A indulgência é para apagar as consequências que os erros graves deixam em nossa vida.

Desejo a todos, um santo ano da Misericórdia a toda a Diocese.

Texto: Edelveis Alvarenga e fotos de Simone Mendanha e Eliana Alvarenga

Mais fotos: http://catecom.blogspot.com.br/2015/12/abertura-da-porta-santa-do-ano-jubilar.html

A Palavra do Pastor
A comunidade do Ressuscitado – Homilia – 2º Domingo da Páscoa Ano B

A comunidade do Ressuscitado – Homilia – 2º Domingo da Páscoa Ano B

Com a Liturgia do 2º Domingo da Páscoa (ano B), também chamado de “Domingo da Misericórdia”, à luz da Palavra...
Read More
O Cristo Ressuscitado caminha conosco! Aleluia!

O Cristo Ressuscitado caminha conosco! Aleluia!

O Ano Litúrgico (ano B), começa com a quarta-feira de cinzas, e com ela o início do itinerário quaresmal, e...
Read More
Domingo de Ramos:  Jesus elevado na Cruz para nos elevar – Homilia – Dom Otacilio F. de Lacerda

Domingo de Ramos: Jesus elevado na Cruz para nos elevar – Homilia – Dom Otacilio F. de Lacerda

"Meu  Deus, meu Deus, por que me abandonaste?"  (Mc 15,34) No Domingo de Ramos (ano B), refletimos sobre o Amor de...
Read More
“Deus merece que sejamos melhores” – Homilia – Quarto Domingo do Tempo Quaresmal – Dom Otacilio – Ferreira de Lacerda

“Deus merece que sejamos melhores” – Homilia – Quarto Domingo do Tempo Quaresmal – Dom Otacilio – Ferreira de Lacerda

A Liturgia do 4º Domingo da Quaresma (Ano B) é conhecida como Domingo “Laetare”, ou seja, Domingo da alegria, devido...
Read More
A cidade, seus clamores e a missão Presbiteral – Dom Otacilio F. de Lacerda

A cidade, seus clamores e a missão Presbiteral – Dom Otacilio F. de Lacerda

As grandes cidades enfrentam os inúmeros problemas de nosso tempo, principalmente porque vivemos em mudança de época, muito mais do...
Read More
Uma religião agradável ao Senhor – Homilia – Terceiro Domingo do Tempo Comum – Ano B

Uma religião agradável ao Senhor – Homilia – Terceiro Domingo do Tempo Comum – Ano B

Com o 3º Domingo da Quaresma (ano B), damos mais um passo no Itinerário rumo à Páscoa do Senhor. Podemos...
Read More
A Glória é precedida pela Cruz – Homilia – Segundo Domingo do Tempo Quaresmal – Ano B

A Glória é precedida pela Cruz – Homilia – Segundo Domingo do Tempo Quaresmal – Ano B

O segundo Domingo da Quaresma (ano B), identificado como “O Domingo da Transfiguração do Senhor”, é um convite a escutarmos...
Read More
Evangelização e acolhida do sopro do Espírito

Evangelização e acolhida do sopro do Espírito

“Ai de mim se seu não evangelizar” (1 Cor 9,16). A Evangelização na cidade tem inúmeros e grandes desafios, de modo...
Read More
“Não nos deixeis cair em tentação” – Homilia do Primeiro Domingo da Quaresma- Ano B

“Não nos deixeis cair em tentação” – Homilia do Primeiro Domingo da Quaresma- Ano B

No 1º Domingo da Quaresma (Ano C), repensamos nossas opções de vida, tomando consciência das tentações que nos impedem de...
Read More
Libertos pelo Senhor para amar e servir – VI Domingo do Tempo Comum Ano B – Homilia

Libertos pelo Senhor para amar e servir – VI Domingo do Tempo Comum Ano B – Homilia

“Jesus, cheio de compaixão, estendeu a mão, tocou nele e disse:  “Eu quero: fica curado!”. No mesmo instante  a lepra...
Read More

Empresas que possibilitam este projeto: